Escrito por Thayla Jamus Publicado em 11/03/2022

As redes sociais, apesar de serem espaços de entretenimento, já encontraram um consumidor ativo e bastante disposto a consumir através dessas plataformas.
O Social Commerce tem uma estratégia com um formato de vendas que utiliza as redes sociais para se aproximar do consumidor e vender. Seja através de conteúdo, posts orgânicos, anúncios patrocinados, ações com influenciadores digitais, entre outras estratégias de marketing digital.

Como funciona o Social Commerce?

Em vez de enviar o consumidor para fora da plataforma ou rede social, redirecionando-o para o e-commerce ou marketplace, o varejista permite que o consumidor compre diretamente da rede social.

Ao navegar pela timeline de uma rede social, você pode encontrar um produto que goste e chame sua atenção e que, provavelmente, você nem estava pensando em comprar.
Com alguns cliques, você entra no post do produto, lê sua descrição e confere os comentários. Para realizar a compra, basta clicar no botão, informar os dados de pagamento e pronto!

Viu a facilidade em consumir um produto que você sequer estava pensando em comprar?

O cliente nem precisou sair do aplicativo da rede social.
No caso do WhatsApp, por exemplo, bastam algumas mensagens (que, para a empresa, podem ser automatizadas) para finalizar o pedido.
Essa estratégia oferece uma experiência de compra ininterrupta para o cliente, tornando-se um ativo valioso para empresas.

As vendas pelas redes sociais 

O Instagram é responsável por 87% das vendas, sendo um grande potencial para social commerce. Isso se deve em parte por ser uma rede bastante utilizada pela faixa de público consumidor ativo e por ser um espaço onde as pessoas passam horas do seu dia, desde manhã até a noite.

No Instagram, os negócios logo entenderam que poderiam criar suas contas comerciais, e o relacionamento com os clientes começa muito antes de iniciarem as vendas.

O social commerce é para todos os negócios? 

Tudo é validado pelas redes sociais.
Antes de o consumidor efetuar uma compra, seja em uma loja física ou virtual, ele passa pelas redes sociais para conferir a opinião de outros consumidores sobre aquele produto, buscando uma validação. Isso se ele não foi impactado por algum anúncio e decidiu que precisava daquele produto a partir dele.

Social commerce como estratégia de vendas 

Estar próximo do consumidor através das redes sociais é uma estratégia interessante. Ter uma interação contínua com os potenciais clientes de maneira dinâmica e ágil nas redes sociais gera confiança e desenvolve o que chamamos de Love Marks.

Não basta somente cadastrar os produtos e esperar pelas vendas, no e-commerce é preciso reinvenção e atualização constante, além de compreender que trabalhar de maneira integrada é o melhor caminho para dar ao cliente uma ótima experiência de consumo durante a jornada de compra.

O social commerce é uma estratégia para se aproximar do cliente, manter ele informado sobre os produtos, novidades e promoções e ainda gerar vendas diretas nas redes sociais.

Otimização

Através dos dados aprofundados de cada plataforma digital, você deve buscar sempre otimizar suas redes. Falamos de UX design, velocidade de carregamento de página, uso de imagens verticais para as telas mobile, uso inteligente do texto, etc.

Criação de conteúdo compartilhável

Priorizar a geração de um conteúdo cada vez mais valioso para sua persona, que agregue valor às suas rotinas e que possa se transformar naquele conteúdo que a pessoa queira compartilhar com amigos, família e colegas de trabalho.

Geração de awareness

Nem todo mundo quer comprar algo quando navega pelas redes sociais. É preciso prudência e testes para mostrar como equilibrar a oferta de produtos e o tom dos conteúdos, de forma que não prejudique a imagem do negócio. Assim, você pode atingir os consumidores na hora certa para iniciar a experiência de compra.

Criação de coleções

Aproveite os dados e a segmentação que as mídias digitais oferecem para criar coleções de produtos similares, relacionados a eventos sazonais, de modo a potencializar suas receitas.

Utilização de métricas

As plataformas digitais oferecem um menu completo de indicadores de desempenho e métricas aprofundadas que servem para medir o nível e profundidade do seu engajamento com clientes e o sucesso das estratégias de vendas.

E a sua empresa, está preparada para essa mudança nas novas formas de vender online?

Seu negócio precisa estar preparado para fazer vendas múltiplas sem perder a organização interna e para isso acontecer uma estratégia omnichannel é fundamental. 

Compartilhe com seus amigos!

É novidade que você quer?
Então, assine nossa newsletter!

cookies

Oi, usamos cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar navegando, você aceita sua utilização.